Portal da Cidade Igrejinha

POLICIAL

Polícia Civil de Três Coroas realiza prisão de motorista de aplicativo

O motorista de aplicativo foi levado à DP de Três Coroas, onde confessou a prática de três roubos no Vale do Paranhana.

Postado em 30/05/2019 às 16:20 |

(Foto: DP de Três Coroas)

Policiais Civis da Delegacia de Polícia de Três Coroas realizaram no bairro Navegantes da cidade de Porto Alegre nesta quinta feira, dia 30/05/2019, a prisão de motorista da aplicativo de transportes envolvido em três assaltos no Vale do Paranhana.

Conforme informou o Delegado de Polícia Ivanir Luiz Moschen Caliari, Autoridade Policial responsável pela DP de Três Coroas e que preside o Inquérito Policial, na tarde do dia 16 de abril de 2019 ocorreram dois assaltos na cidades de Igrejinha e Três Coroas, respectivamente, ocasião em que dois tripulantes de um veículo Renault Clio de cor branca se aproximava de vítimas mulheres para perguntar as horas e, logo após, anunciavam que se tratava de um assalto, lhes apontando arma de fogo para posteriormente subtrair suas bolsas com dinheiro e aparelhos celulares.

Uma vez iniciadas as apurações, os policiais civis da DP de Três Coroas descobriram, ainda, que a dupla de assaltantes se tratava de irmãos moradores da cidade de Gravataí/RS e que eles praticaram assalto com semelhante modo de execução na região um dia antes, 15/04/2019, desta vez na cidade de Taquara, sendo que um deles trabalhava com o veículo usado nos delitos como motorista de aplicativa de transporte de passageiros.

Em face das investigações, foram decretadas e cumpridas as prisões preventivas do motorista de aplicativo M.A.S.A, de 35 anos de idade, e do seu irmão que permanecia no banco de passageiros e utilizava a arma de fogo para executar os assaltos A.A.A.J., de 26 anos de idade, sendo que este último já estava preso desde o dia 30/04/2019, após ter sido flagrado pela polícia na cidade de Cachoeirinha/RS na posse de um veículo roubado, além de já estar na condição de foragido do sistema prisional.

O motorista de aplicativo foi levado à DP de Três Coroas, onde acabou confessando a prática dos três roubos no Vale do Paranhana, tendo sido conduzido posteriormente à DPPA de Taquara, onde aguardará pela definição do presídio para o qual será encaminhado.

Fonte:

Deixe seu comentário