Portal da Cidade Igrejinha

DESENVOLVIMENTO

SINE de Igrejinha está em 1° entre as agências da região

SINE de Igrejinha em 1º lugar entre as agências da região e em 2º lugar entre as agências do Estado do Rio Grande do Sul

Postado em 08/02/2018 às 08:05

(Foto: Anderson Silva/Portal da Cidade)

A Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social -FGTAS apresentou os relatórios do mês de Dezembro, colocando a Agência do SINE de Igrejinha em 1º lugar entre as agências da região e em 2º lugar entre as agências do Estado do Rio Grande do Sul.

Mês a mês, as agências do SINE do Estado do Rio Grande do Sul, recebe relatórios de atendimento e contratação. Esses relatórios viabilizam melhorar o atendimento nas Agências, padronizando a qualidade dos serviços prestados pela FGTAS, além de propiciar dados sobre geração de emprego e renda local e estadual.

O ranking é gerado a partir de informações de serviços do Sistema de Intermediação de mão-de-obra (IMO), interligado com o Ministério do Trabalho, contabilizando VAGAS ABERTAS, VAGAS PREENCHIDAS, EMPREGADOS A PARTIR DA INTERMEDIAÇÃO e SEGURO-DESEMPREGO. Todos os serviços em questão são priorizados em relação a contabilidade de pontuação, sendo consequência de todos os outros serviços prestados nas agências.

Para o Coordenador do SINE Igrejinha, Silvanio Binder, “é muito gratificante para uma agência do porte de Igrejinha estar nesta posição porque é um reconhecimento das mudanças que estamos colocando em prática para melhorar o atendimento diário, que acaba facilitando muito para a mediação entre trabalhador e empregador e oportunizando o maior número de abertura de vagas e de encaminhamentos efetivos”.

O SINE de Igrejinha vêm consolidando o reconhecimento através dos treinamentos que a FGTAS proporciona para as agências do estado, seguindo a risca um atendimento qualificado e que facilite o contato do trabalhador com as empresas e direitos garantidos. Além, a partir dos próximos meses, estarão apresentando para Igrejinha a modalidade do Projeto “Jovem Aprendiz”, para ampliar esse contato a Juventude, que mais vêm sofrendo com o desemprego no Brasil.

Fonte: FGTAS/SINE IGREJINHA

Deixe seu comentário